AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Aeroporto de Bacacheri completa 38 anos sob Infraero

Vista do portão principal de Bacacheri. Foto: Divulgação/Infraero

Com localização privilegiada, a apenas 8 quilômetros do centro de Curitiba (PR), o Aeroporto de Bacacheri comemora 38 anos sob administração da Infraero neste sábado (31/3). O terminal curitibano atende a operações da aviação geral, como empresas de táxi aéreo e escolas de aviação, e aos finais de semana costuma ser visitado por muitas famílias que se divertem conhecendo o local.

As atividades do aeroporto foram iniciadas com uma pista de pousos e decolagens, no início da década de 1930, exclusivamente para a aviação militar. Dois anos mais tarde, o Correio Aéreo Nacional (CAN) também passou a utilizar as instalações. Ainda em 1932, as dependências do Colégio Agrícola Estadual passaram à jurisdição do Ministério da Aeronáutica e do Aeroclube do Paraná. Logo o espaço foi utilizado ainda para treinar e capacitar profissionais para o mercado aéreo brasileiro e internacional. Em 31 de março de 1980, o Ministério da Aeronáutica transferiu a jurisdição do Aeroporto de Bacacheri para a Infraero. Logo depois, foram construídos pátio de manobras, taxiways e o terminal de passageiros.

Atualmente, na área do sítio aeroportuário, com aproximadamente 1,4 milhão de m², estão instalados 43 hangares de empresas que fazem manutenção de aeronaves e hangaragem, além de ser base para as operações da Polícia Rodoviária Federal, Militar e Civil; Receita Federal e Casa Militar do Estado do Paraná. O aeroporto atende também as operações de transporte de enfermos e de órgãos.

O terminal de passageiros tem 157,10 m² e a pista de pousos e decolagens conta com 1.390 metros de comprimento, por 30 metros de largura. O aeroporto também dispõe de um pátio com 17 posições de estacionamento para aeronaves e funciona de 7h às 22h. Com capacidade para atender a até 200 mil viajantes ao ano, em 2017 foram registrados 23.586 mil pousos e decolagens, que se refletiram na movimentação de 64.151 passageiros.

O superintendente do Aeroporto de Bacacheri, Eduardo Ludwig, afirma que o terminal paranaense é um agente importante do desenvolvimento regional, “já que recebe aeronaves nas mais diversas atividades, com destaque para executivos que movem a economia do estado e do país”. “Também tem fundamental contribuição na formação de novos pilotos, os quais, uma vez formados pelas escolas de aviação sediadas no aeroporto, manterão a aviação civil nacional no mais alto nível de segurança”, pontua.

Parceria Infraero e Escola

Iniciado em 2003, o projeto “Parceria Infraero e Escola”, iniciativa da Infraero com o Colégio Saint German, auxilia crianças de baixa renda que estão no Ensino Fundamental, com recreações de cunho educacional e socioambiental, como incentivo a atividades lúdicas e esportivas, além de plantio de árvores e cultivo de horta. Para que esta parceria ocorresse, a Infraero disponibilizou à escola área 1.224,85 m² para a realização destas atividades. Em contrapartida, o colégio particular cede bolsas de estudo integrais para que a Infraero repasse à comunidade aeroportuária. Por ano, quatro crianças são beneficiadas pela iniciativa.

Sobre o autor

Rafael Rinaldi

Jornalista, Técnico em Manutenção de Aeronaves e administrador de empresas. Apaixonado por aviação, fotografia e História.

Comente

Clique aqui para comentar

VI ENCONTRO DA CULTURA AEROESPACIAL

VI ENCONTRO DA CULTURA AEROESPACIAL

SAAB

SAAB

Últimas notícias

Parceiro

Fórum ASAS

Produtos

Carrinho