AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Marinha deve receber 3 caças modernizados em 2019

Em breve os AF-1 contarão com o apoio dos aviões-tanque KC-2

A Marinha do Brasil deve reforçar sua aviação ainda em 2019. Atualmente com um AF-1B (monoplace) e um AF-1C (biplace), versões modernizadas pela Embraer dos A-4 Skyhawk, o 1º Esquadrão de Aviões de Interceptação e Ataque (VF-1) deve encerrar o ano com cinco aeronaves, sendo duas biplaces.

Duas aeronaves vão ser recebidas após o processo de modernização na Embraer, além de estar previsto, finalmente, o retorno do AF-1B de matrícula N-1001, que precisou passar por amplos trabalhos de restauração após o acidente ocorrido em agosto de 2016. Em 2020 deve ser recebido mais um AF-1B, completando a frota de quatro AF-1B e dois AF-1C.

O Esquadrão é sediado em São Pedro da Aldeia (RJ), de onde cumpre missões como defesa aérea da frota, esclarecimento naval e ataque. Também participa de exercícios em outras regiões do país, inclusive em áreas de fronteira distantes do mar.

O principal destaque da modernização foi a adoção do radar EL/M 2032, com modos ar-ar, ar-solo e ar-mar, neste último caso sendo capaz de acompanhar até 64 embarcações ao mesmo tempo a distâncias de até 256 km. A cabine também foi alterada, com a adoção de telas digitais e novos equipamentos de comunicação e navegação.

Leia mais sobre a Aviação Naval na edição especial da Revista Asas. Confira!

Conheça as páginas da revista ASAS no Facebook e no Instagram e acompanhe diariamente notícias sobre Aviação!

Sobre o autor

Redação

Um comentário

Clique aqui para comentar

  • Acho ótimo a modernização dos Skyhawks da Marinha, prooporcionando mais segurança de operação e evolução no adestramento. Porém acredito que a Marinha já deve está avaliando a aquisição de novos caças visando a substituição dos nossos Falcões, os Gripens NG são ideais para essa substituição pois serão produzidos em nosso país.

Lançamento!

Lançamento!

SAAB

SAAB

Últimas notícias

Parceiro

Fórum ASAS

Carrinho