AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Cingapura quer o F-35

Japão, Austrália e Coreia do Sul também vão voar F-35 na região do Pacífico
image_pdfimage_print

Não se sabe quantos, quando ou de que versão, mas as autoridades de Cingapura têm uma certeza: querem o Lockheed Martin F-35 Lightning II na sua força aérea. O país com apenas 716,1 km² de área (o município de São Paulo tem 1.521,11 km²) e 5,4 milhões de habitantes possui 60 F-16C/D Block 52 e 40 F-15SG para sua defesa, mas trabalha para modernizar a frota tão logo seja possível.

“A avaliação técnica concluiu que a RSAF (Republic of Singapore Air Force) deve primeiro comprar um pequeno número de F-35 para uma avaliação completa das suas capacidades”, divulgou o Ministro da Defesa, Ng Eng Hen.

Não se sabe quais os números envolvidos no momento nem a versão. Porém, há rumores de que Cingapura teria interesse no F-35A, de decolagem e pouso convencionais, como os adquiridos pela USAF, e nos F-35B, de pouso e decolagem curtos/verticais. Uma das maiores dificuldades do país é exatamente a disponibilidade de pistas de pouso.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros