ESPAÇO

Cosmonauta russo supera os 1.000 dias no espaço

Oleg Kononenko em caminhada espacial. Foto: Roscomos

O cosmonauta russo Oleg Kononenko se tornou a primeira pessoa a bater a marca de mais de mil dias no espaço. O recorde foi alcançado em 5 de junho, a bordo da Estação Espacial Internacional (ISS, na sigla em inglês).

Em fevereiro, ele havia batido o recorde anterior, de 878 dias, 11 horas, 29 minutos e 48 segundos, que pertencia a outro russo, Gennady Padalka, alcançado em 2015. Agora, Kononenko deve ir além: seu retorno à Terra é previsto só para 24 de setembro de 2024, passando dos 1.100 dias em órbita.

Oleg Kononenko foi ao espaço pela primeira vez em 8 de abril de 2008, a bordo da Soyuz TMA-12, já ficando, naquela ocasião, 199 dias no espaço. Até o momento, ele foi ao espaço cinco vezes. 

Oleg Kononenko.
Foto: Roscomos

Em 10 de julho de 2008, fez sua primeira caminhada espacial. Ele já acumulou 39h e 54 minutos em atividades extraveiculares. Em abril de 2024, Kononenko fez uma caminhada no espaço pela sexta vez. O procedimento durou mais de seis horas, durante as quais ele instalou equipamentos experimentais. Somando as suas experiências anteriores, o cosmonauta acumula quase 40 horas em atividades externas.

Nascido em 21 de junho de 1964 na cidade de Chardzhou, hoje Türkmenabat, no Turcomenistão, à época parte da União Soviética, Oleg Kononenko é cidadão russo, ainda que mantinha fortes laços com sua terra natal. Formado em engenharia mecânica, nunca serviu às forças armadas, tendo uma carreira focada no desenvolvimento de sistemas espaciais.

Sobre o autor

Humberto Leite

Comentar

Clique aqui para comentar

ASSINE A ASAS E GANHE UM ALBUM DE FIGURINHAS: AVIÕES DE GUERRA

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho