AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA Documento ASAS DOS ARQUIVOS DE ASAS

De humilhado a exaltado: o melhor caça noturno da Segunda Guerra

Um caça pesado, bimotor, com armas suficientes para destruir bombardeiros inimigos. Foi pra isso que o Messerschmitt Bf-110 Zerstörer foi criado.

Era uma aeronave incrível, com quatro metralhadoras de 7,92mm e dois canhões de 20mm (além de mais uma de 7,92mm voltada para trás). Alcance superior a 1.000 km, velocidade máxima de 541 km/h….

Mas acabou se tornando um fracasso! A frente de caças mais ágeis como os britânicos Hawker Hurricane, os Bf-110 tiveram um desempenho pífio. Na Batalha da Inglaterra, acabaram se tornando presas fáceis para os Spitfire.

Depois de ser retirado da linha de frente, o Bf-110 acabou se mostrando ideal para atuar como caça noturno, equipado com radar.

Conheça mais essa história com Claudio Lucchesi no Documento ASAS!