AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

F-35 fica “baratinho”

O F-35 gerou, até o momento, a compra mais cara da história da aviação militar mundial
image_pdfimage_print

Pela primeira vez na história, o custo de um caça F-35 Lightning II vai ficar abaixo de US$ 90 milhões. O novo contrato do Departamento de Defesa dos EUA com a Lockheed Martin registrou uma queda de 5,4% no custo unitário, que ficou em US$ 89,2 milhões.

O valor foi alcançado porque o contrato envolve um total de 141 aeronaves, sendo 102 F-35A (pouso e decolagem convencionais), 24 F-35B (pouso vertical e decolagem curta) e 13 F-35C (pouso e decolagens a partir de porta-aviões com catapulta). As aeronaves serão entregues a partir de 2019 e vão equipar tanto as Forças Armadas dos Estados Unidos quanto ficarão disponíveis para nações aliadas. O contrato total é de

Essa é a 11° vez em que o custo do F-35 é reduzido. A meta do programa é alcançar um valor unitário de US$ 80 milhões em 2020.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros