AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

FAB auxilia nas buscas do submarino argentino ARA San Juan

SC-105 Amazonas SAR
SC-105 Amazonas SAR
image_pdfimage_print

A Força Aérea Brasileira enviou duas aeronaves para auxiliar na busca do submarino argentino ARA San Juan desaparecido, desde a última quarta-feira (15/11), com 44 tripulantes a bordo. Participarão das buscas o SC-105 Amazonas SAR e o P-3AM Orion.

A aeronave SC-105 Amazonas SAR (Search and Rescue – Busca e Salvamento) uma versão especializada em Busca e Salvamento do bimotor C-105 Amazonas recentemente incorporada pelo 2º/10º Esquadrão Pelicano, sediado em Campo Grande/MS, possui radar de abertura sintética, capaz de monitorar em 360 graus simultaneamente até 640 alvos num raio de 370km além de sistema eletro-óptico infravermelho FLIR (Forward Looking Infra-Red) que permite a operação por 24 horas, registrando imagens em ambientes de baixa luminosidade.

Já o P-3AM Orion é um consagrado quadrimotor de patrulha marítima operado pelo Esquadrão Orungan, sediado em Salvador/BA, tem grande autonomia e pode permanecer em voo por até 16 horas e conta com vários sensores eletrônicos. Além do FLIR ele possui também um detector específico para a busca de submarinos, capaz de identificar anomalias magnéticas causadas por grandes massas metálicas submersas, o MAD (Magnetic Anomaly Detector) Detector de Anomalias Magnéticas.

As aeronaves brasileiras se juntaram a outras argentinas, americanas, inglesas e uruguaias, além de embarcações de várias nacionalidades no esforço para encontrar o submarino ARA San Juan e sua tripulação.
Informes meteorológicos recentes apontam condições climáticas adversas com ventos de até 80km/h e ondas entre 6 e 8 metros de altura na área de buscas.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros