AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

8 AH-6I por US$ 400 milhões

image_pdfimage_print

Os EUA querem levar a compra de novos helicópteros de ataque por parte da Tailândia. Com sete AH-1F em serviço há quase 40 anos, o país analisa a propostas da Bell (AH-1Z), Boeing (AH-64 Apache), Airbus (Tiger) e Turkish (T129), mas a proposta mais concreta veio do próprio governo norte-americano, que ofereceu oito AH-6I por US$ 400 milhões no âmbito do programa Foreign Military Sales (FMS).

O valor incluiria armas, sensores, treinamento e suporte logístico. A proposta, contudo, envolve aeronaves mais leves e de menor poder de fogo que as demais opções avaliadas. O pacote de armamento inclui 50 mísseis AGM-114R Hellfire, foguetes guiados, metralhadoras GAU-19/B, foguetes não guiados, óculos de visão noturna e torretas óticas/infravermelhas para aquisição de alvos.

Ainda que conte com aeronaves como F-16, E-2, P-3 e Mirage 2000, as vendas de armas para Taiwan sempre são alvo de pressões políticas do governo Chinês. Para Pequim, até hoje Taiwan é apenas uma província rebelde.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros