AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Após 77 anos, Brasil e Reino Unido assinam novo acordo de serviços de aviação

Foto: Wikimedia Commons

Em um marco histórico para as relações entre Reino Unido e Brasil, um novo Acordo de Serviços de Aviação foi formalmente assinado nesta quarta-feira (10), pela Embaixadora britânica no Brasil, Stephanie Al-Qaq. O acordo pioneiro substituirá o anterior, datado de outubro de 1946, e afirma o compromisso mútuo dos países em promover segurança e eficiência no setor da aviação, desenvolvendo ainda mais o comércio e o turismo entre os países.

“A conectividade aérea é importante tanto para o Brasil quanto para o Reino Unido. E este acordo expande os direitos das companhias aéreas de voar entre nossos dois países. Também ajuda a garantir que os voos sejam mais seguros e sustentáveis. Espero ver mais brasileiros no Reino Unido – e britânicos no Brasil – como resultado”, afirmou a Embaixadora.

De acordo com o VisitBritain, órgão oficial do Governo Britânico encarregado da promoção da Grã-Bretanha como destino turístico ao redor do mundo, a previsão para 2024 é de um crescimento geral de 5% em relação ao ano anterior, apontando para a contínua recuperação do turismo pós-pandemia no país.

Priscila Moraes, Diretora do VisitBritain no Brasil, adiciona: “A procura dos brasileiros pelo Reino Unido como destino de viagem tem crescido em ritmo acelerado. Durante o ano de 2023, a cada trimestre observamos os brasileiros quebrando recordes históricos em número de visitas e volume de gastos – no primeiro trimestre, por exemplo, foram 93 mil brasileiros em solo britânico com um gasto de 670 milhões de reais – o maior registro para o período, dobrando os números do ano anterior.”

Além de facilitar o comércio e o turismo, o acordo também oferece direitos adicionais de tráfego para serviços de carga. Esses direitos permitirão que companhias aéreas de carga britânicas e brasileiras operem de e para países terceiros. 

NOVA EDIÇÃO DA ASAS! PRÉ-VENDA!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho