AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Deputados dos EUA querem que USAF treine pilotos da Ucrânia

Dois deputados norte-americanos, do partido Republicano e do partido Democrata, se uniram em uma proposta de lei para que a United States Air Force (USAF) treine pilotos ucranianos em jatos fabricados nos Estados Unidos. Chrissy Houlahan e Adam Kizinger citaram nominalmente o F-15 e o F-16.

“Essa lei pode permitir os Estados Unidos a iniciarem o treinamento de pilotos ucranianos nos caças F-15 e F-16, além de outras plataformas, enquanto o governo continua a avaliar o envio desse tipo de equipamento”, informa o release distribuído para a imprensa. A deputada e o deputado são veteranos da força aérea dos Estados Unidos e sugerem “repensar” a estratégia de longo prazo para apoio à Ucrânia.

O governo dos Estados Unidos já se comprometeram a investir 4,6 bilhões de dólares nas forças armadas da Ucrânia, porém sem incluir caças de combate. Este é o principal pedido de Kiev, que já disse ser possível treinar seus pilotos em “semanas”. Atualmente, a Ucrânia está limitada a tentar encontrar caças MiG-29 e Su-27, operados pelo país antes da guerra.

A Polônia já havia proposto a Washington enviar seus caças MiG-29 aos Estados Unidos para que, de lá, fossem passados à Ucrânia. Em troca, os poloneses gostariam de receber mais caças F-16. A proposta foi recusada.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho