AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Congresso dos EUA quer aumentar em 37 bilhões o investimento militar em 2023

F-18 Super Hornet. Foto: Tim Felce

O comitê de congressistas norte-americanos responsável por assuntos de defesa sinalizaram nesta semana que vão adicionar mais 37 bilhões de dólares ao orçamento para 2023 inicialmente solicitado pelo Pentágono. O foco é reforçar os programas de reequipamento e aquisição de novos armamentos.

A defesa do espaço aéreo está no foco dos congressistas. Só a compra de novas baterias do sistema de defesa aérea Patriot deve custar mais um bilhão. Também serão adquiridos novos sistemas Terminal High Altitude Air Defense.

Os congressistas também propõem a compra de mais oito caças F-18 Super Hornet, oito E-2D Advanced Hawkeye, cinco KC-130, dois CMV-22 Osprey e quatro jatos de guerra eletrônica EC-37B Compass Call. Baseado no jato executivo Gulfstream G550, este modelo foi desenvolvido para substituir os EC-130H Compass Bell.

Maior orçamento da história

Mesmo sem o aumento do orçamento de 773 bilhões para 810 bilhões de dólares, o Pentágono terá em 2023 o maior orçamento da sua história, superando os 752 bilhões de 2011. Porém, quando analisada a proporção frente ao Produto Interno Bruto dos Estados Unidos, ainda não se aproxima dos 9,42% investidos em 1967.

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

Carrinho