AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Embraer registra crescimento de 13%

Jato executivo Praetor 500

A Embraer entregou 181 aeronaves em 2023, uma alta de 13% na comparação com 2022, quando a companhia entregou 160. A carteira de pedidos firmes cresceu US$1,2 bilhão na comparação anual, atingindo um total de US$18,7 bilhões em 2023 – o maior volume registrado desde o início de 2018.

O grande destaque foram os jatos comerciais da família E2, que mais que duplicaram no número de entregas: foram 19 em 2022 e 39 em 2023. A área de aviação comercial, envolvendo todos os modelos, registrou aumento de 12%, com salto de entregas de 57 para 64 ao longo na comparação dos dois anos.

Foi o mesmo índice de crescimento da aviação comercial, que registrou a entrega de 74 aeronaves, o maior volume em sete anos. Além disso, as 41 entregas de jatos médios, Praetor 500 e 600, também representaram uma alta de 2 dígitos no ano, de 14%.

O setor de defesa e segurança foi discreto, com apenas dois KC-390 entregues. Porém, se destacaram os negócios com Áustria, República Tcheca e Coreia do Sul. A nota negativa foi a falta de entregas de aeronaves Super Tucano.

Apesar do aumento do número de entregas, a Embraer revelou ainda enfrentar desafios em sua cadeia de suprimentos, com atrasos que impactaram os números de 2023.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho