AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Exército faz esforço logístico para reforma de pista na fronteira

image_pdfimage_print

O 7º Batalhão de Engenharia de Construção (7º BEC) transportou, ao longo do mês de janeiro, mil toneladas de brita, além de diversos equipamentos e veículos, para apoiar a reforma e ampliação do Aeródromo de Santa Rosa do Purus (AC). A pista está localizada a menos de 1,5 km da fronteira com o Peru e é a única forma de chegar rapidamente à comunidade isolada e ao 4º Pelotão Especial de Fronteira.

Com problemas no asfalto, até um avião C-98 Caravan da Força Aérea Brasileira já caiu em um dos buracos do local, durante o período chuvoso de 2018. Agora, a União vai investir 38 milhões de Reais para reconstruir o aeródromo. A futura pista terá 1.200 metros de comprimento por 30 de largura, sendo inteiramente feita de concreto.

A operação logística para a reforma do aeródromo é complexa. A carga é enviada de caminhão até Manoel Urbano (AC), onde é embarcada em balsas. A partir dali são sete dias de navegação em ambiente amazônico.

O aeródromo tem atualmente cerca de mil metros de comprimento. A localidade fica entre o Parque Estadual Chandless e a Floresta Nacional de Santa Rosa do Purus, ficando isolada tanto de Rio Branco (AC) quanto de Cruzeiro do Sul (AC).

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

Sobre o autor

Redação

Comentário

Clique aqui para comentar

Lançamento! ASAS 116

O Voo do Impossível

Parceiros