AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

F-35 no foco de mais um país: encomenda pode chegar a 50 unidades

F-35B do USMC em operação embarcada Foto: Isaac Cantrell / USMC

O governo da Espanha oficialmente solicitou à empresa Lockheed Martin informações para a compra de 50 caças F-35 Lightning II. Seriam 25 unidades do F-35A, de pouso e decolagem tradicionais, para o Ejército del Aire, como é chamada a força aérea do país, e mais 25 do F-35B, com capacidade para pouso vertical, a serem operados pela Armada. Se o negócio for aprovado, as entregas devem começar em 2027.

Os F-35B são os substitutos lógicos para os EAV-8B Matador, versão modernizada dos caças Harrier II que atualmente são utilizados no porta-aviões Juan Carlos I, equivalente aos navios de desembarque anfíbio da US Navy. Os treze EAV-8B atuais entraram serviço em 1987.

LEIA TAMBÉM: Itália é 3º país a operar F-35B embarcado

Já os 25 F-35A são esperados como substitutos para os F-18A/B, que devem parar até o fim da década, apesar dos processos de modernização. Atualmente são cerca de 64 em uso. Isso seria uma notícia negativa para o consórcio Eurofighter, que oferece mais aeronaves à Espanha para substituir os F-18 e padronizar a frota.