AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Mais uma chance para o Super Tucano em Portugal

Super Tucano da Nigéria Foto: Embraer

O treinador Super Tucano ainda está na mira de Portugal. O primeiro ministro da defesa do país, João Gomes Cravinho, revelou a intenção de criar uma escola internacional para formação de pilotos militares.

A ideia é ter uma unidade onde aviadores de Portugal ou de países parceiros possam ser treinados em aeronaves de alto nível. O Super Tucano, que já foi cuidadosamente analisado pela Força Aérea de Portugal como substituto para antigos jatos de treinamento Alphajet, aparece como um candidato forte a integrar a nova escola. Também há rumores da contratação do Leonardo M-346 Master para a formação de alto desempenho.

A ideia portuguesa é estabelecer a futura unidade de treinamento na Base Aérea de Beja. A localização se destaca pelas condições climáticas favoráveis, no sul do país. O trabalho, porém, deve ser realizado em parceria com uma empresa a ser coentrada, da mesma forma como a Grécia acaba de pactuar com a israelense Elbit.

Portugal é também cliente de exportação do KC-390.