AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Rússia vai equipar país árabe com drone armado

O Orion-E tem autonomia de 24 horas
image_pdfimage_print

Egito ou Síria. O mais provável é que seja um desses dois países, porém o que está confirmado é que a Rússia irá vender para um país daquela região novas aeronaves remotamente pilotadas Orion-E.

Com alcance de 250 quilômetros, autonomia de 24 horas e possibilidade de fazer voos a 8.000 metros de altura, o Orion-E é semelhante ao Predator, em uso nos Estados Unidos.

Além das missões de vigilância, reconhecimento e inteligência, a aeronave pode levar uma carga bélica de até 200 kg.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros