AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Apreensão de 165 quilos de drogas comprovou integração de setores da FAB

A Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou, por volta de 13h40 (horário de Brasília) deste sábado (19), no estado do Amazonas, uma aeronave modelo PA-34 Seneca que transportava 165 quilos de drogas. Mais que a atuação dos dois A-29 Super Tucano em conjunto com o sistema de defesa aérea, a missão comprovou a integração entre diversos setores.

Após ser interceptado, o PA-34 Seneca fez um pouso forçado em um canavial próximo à cidade de Presidente Figueiredo (AM). A partir daí, os A-29 nada poderiam fazer a não ser tentar identificar a presença dos suspeitos. Foi a hora de um helicóptero H-60 da FAB pousar no local com uma equipe da Polícia Federal, que cumpriu as Medidas de Controle de Solo (MCS), apreendendo a carga ilícita.

O comunicado oficial da FAB não deixou claro se os traficantes fugiram. Porém, a interceptação realizada neste sábado deixou clara a evolução entre as ações desenvolvidas no espaço aéreo e a necessidade de forças em solo.

O Comandante de Operações Aeroespaciais, Tenente-Brigadeiro do Ar Sergio Roberto de Almeida, comentou o sucesso da operação conjunta. “A ação deste sábado comprova a prontidão operacional da FAB. As capacidades do Sistema de Defesa Aeroespacial Brasileiro permitem uma vigilância consistente 24 horas por dia, sete dias por semana”, disse.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS! PRÉ-VENDA!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho