AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Aviação do Exército confirma visão moderna para manutenção

Os HM-1 Pantera são utilizados para deslocar frações de tropas
image_pdfimage_print

Ao invés de ter oficinas especializadas para efetuar manutenções complexas nas suas aeronaves, o Exército Brasileiro adota uma solução mais simples: passa o trabalho para uma empresa brasileira capacitada na área. A parceria com a Helibras foi renovada durante a feira de defesa LAAD 2019, sendo válida por mais cinco anos.

Os HA-1 Fennec, HM-1 Pantera e HM-3 Cougar passam pelas manutenções mais simples nos próprios esquadrões da Aviação do Exército. Porém, os trabalhos mais complexos são realizados pela Helibras, que tem um centro de engenharia certificado pela Airbus com capacidades de serviços de MRO (Manutenção, Reparo e Revisão).

Revisões gerais nas aeronaves envolvem o uso de maquinário específico e mão de obra certificada

“A assinatura deste contrato reforça a parceria da Helibras/Airbus com a Aviação do Exército, que celebra seu centenário neste ano, e mostra que estamos comprometidos a contribuir com o sucesso de suas operações por muitos anos”, afirma Richard Marelli, presidente da Helibras e Head of Country da Airbus no Brasil.

Os helicópteros HM-4 Jaguar, assim como os UH-15 da Marinha e H-36 da Força Aérea Brasileira, também têm um contrato logístico com a Helibras, conduzido de maneira conjunta pelo Ministério da Defesa.

Sobre o autor

Redação

Comentar

Clique aqui para comentar

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros