AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Avião-radar brasileiro ganha novas antenas com modernização

Primeiro E-99M da Força Aérea Brasileira

Vai ser fácil distinguir os aviões-radar E-99 da Força Aérea Brasileira da nova versão modernizada, o E-99M. Fotos divulgadas nesta quinta-feira revelam a instalação de novas carenagens na lateral da aeronave.

Nem a Embraer nem a FAB comentaram o que está ou será instalado ali: aeronaves desse tipo têm suas verdadeiras capacidades guardadas pelas forças aéreas que as operam. Porém é possível notar que no caso do E-99M se tratam de estruturas semelhantes às presentes na versão vendida para a Força Aérea da Índia. A modernização brasileira, contudo, não inclui nem a antena extra instalada no teto nem a sonda para reabastecimento em voo, vistas no modelo indiano.

Notas as novas carenagens instaladas no E-99M
E-99M indiano com as carenagens laterais destacadas

De acordo com a FAB, o projeto envolve a “modernização e atualização dos sistemas de missão e subsistemas relacionados”. Para isso, a Embraer trabalha junto com as empresas Saab, Aeroelectronica International (AELI) e Rohde & Schwarz. As melhorias também envolve os sistemas de guerra eletrônica e de contramedidas eletrônicas.

Também já foi publicamente informado que aumentará o alcance do radar será ampliado, bem como a velocidade de processamento, com melhor identificação dos alvos. O número de tripulantes também vai subir: agora serão cinco operadores de sistemas a bordo, e não somente três.

O projeto foi iniciado em 2012, mas sofreu atrasos por conta das restrições orçamentárias. Por pouco não foi cancelado. Porém, o plano atual é que a primeira aeronave seja entregue ainda em 2020.

As cinco aeronaves passarão a ser designadas E-99M, e terão mais anos de serviço com o Esquadrão Guardião, sediado em Anápolis (GO).

E-99 antes da modernização: lateral não possui as novas carenagens.
Foto: Sgt Johnson Barros / Força Aérea Brasileira

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho