AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Coreia do Sul vai comprar 170 caças KF-21 Boramae

Protótipo do KF-21 Boramae em produção Foto: Kim Jae-seob/The Hankyoreh

A Coreia do Sul deverá adquirir 170 caças KF-21 Boramae. A aeronave de quinta geração desenvolvida pela empresa Korea Aerospace Industries (KAI) deverá entrar em produção seriada em 2024.

O jornal Hankyoreh, que tem uma versão em inglês, mostrou pela primeira vez detalhes da produção dos protótipos, realizada na cidade de Sacheon, no sul do país. O primeiro já havia sido apresentado oficialmente em 9 de abril. O segundo está em testes de integração física com armamentos e outros cinco estão em construção.

O jornalista Kim Jae-seob destacou que, nesta fase, a construção dos protótipos é um processo praticamente manual. Na segunda unidade, ele viu vinte engenheiros trabalhando para instalar os armamentos no protótipo.

Rollout do KF-21 Boramae
Foto: Korea Aerospace Industries

Um dos profissionais entrevistados explicou que uma única asa precisa de mais de dez mil rebites. “Passando a mão ao longo da junta, encontro os rebites tão densos e organizados como se tivessem sido costurados à máquina. Os próprios rebites são tão lisos que nem consigo senti-los com a mão. Se um rebite se projetasse até mesmo um único milímetro da superfície, ele criaria resistência ao ar”, escreveu o jornalista.

Kim Jae-seob comentou ainda sobre os nove tanques de combustível, controlados eletronicamente, e a presença de equipamentos eletrônicos do cockpit até as pontas das asas. Foi explicado como, neste tipo de aeronave, a colocação de cada cabo eletrônico exige cuidados para evitar barulho ou danos.

Os testes em solo do primeiro protótipo devem durar cinco anos. Segundo a reportagem, a primeira aeronave levou cinco anos para ficar pronta. A expectativa é que o programa registre pelo menos 2.341 horas de voos de testes.

O repórter do Hankyoreh também destacou a produção de helicópteros KUH Surion para a o corpo de bombeiros da província de Gyeongsang, dos treinadores KT-1 e do jato de treinamento TA-50.