AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Em 8 anos, Rússia recebeu 98 caças Su-35S

image_pdfimage_print

O Ministério da Defesa da Rússia recebeu no dia 25 de novembro os últimos três de um total de 98 caças Su-35S Flanker encomendados. Trata-se da versão mais avançada do Flanker, com características multifuncionais.

O ritmo de entregas da Sukhoi, portanto, foi de 12,25 aeronaves por ano. As primeiras 48 foram encomendadas em 2009, com a primeira unidade sendo recebida ao fim de 2012. Em 2015 foi assinado um contrato para mais 50 unidades, entregues a partir de 2016. A frota final deverá passar de cem: em agosto de 2020, foi assinado um contrato para mais 30, que começam a ser entregues já no próximo ano.

Caças Su-35 Flanker russos baseados na Síria interceptam P-8 dos EUA sobre o Mediterrâneo Foto: US Navy

O Su-35 é a mais avançada versão já construída do Flanker. Capaz de atingir Mach 2,25, tem uma carga bélica de 8 toneladas. Com empuxo vetorado e supercruzeiro, isto é, possibilidade de voar supersônico sem uso de afterburner, o novo Flanker teve sua estrutura reforçada para garantir mais manobrabilidade que seus precursores.

O radar primário é o N035 Irbis-E (“Snow Leopard”), modelo do tipo passive electronically scanned array (PESA). Por outro lado, apesar de não ser uma aeronave stealth, o Su-35 teve sua assinatura reduzida com o uso de materiais que absorvem as ondas de radar, além de modificações no compressor dos motores AL-41F1S Saturn com a mesma finalidade. A suíte eletrônica também conta com o sistema eletro-ótico OLS-35 e o sistema de guerra eletrônica L175M Khibiny-M.

A China recebeu 24 aeronaves, a Indonésia tem uma compra confirmada de onze unidades e o Egito encomendou 31.

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

Lançamento! ASAS 115

O Voo do Impossível

Parceiros