AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

EUA deslocam bombardeiros nucleares stealth para a Europa

A realidade da OTAN: caças stealth protegem bombardeiro stealth. Foto: U.S. Air Force photo/ Master Sgt. Matthew Plew

Uma semana após a Rússia intensificar voos próximo a países da OTAN, dois bombardeiros B-2 Spirit da Força Aérea dos Estados Unidos foram deslocados para Europa. E, claro, fizeram uma seção de fotos com os F-35A da Real Força Aérea da Noruega e F-15C da própria USAF.

LEIA MAIS > Bombardeiros Russos não dão descanso para a OTAN

Com o apoio de reabastecedores KC-135, o par de B-2 da 509th Bomb Wing, sediada em Base Aérea de Whiteman, no Missouri, foram deslocados para a Base Aérea da Royal Air Force em Fairford, no Reino Unido. Já os F-15C Eagle do 493rd Fighter Squadron já têm como casa a Base Aérea da Royal Air Force em Lakenheath.

B-2 voam ao lado de caças F-15C Eagle da USAF que são permanentemente baseados na Europa. Foto: U.S. Air Force photo/ Master Sgt. Matthew Plew

O B-2 Spirit é o principal vetor estratégico da Força Aérea dos Estados Unidos desde 1997. Stealth, isto é, furtivo aos radares e capaz de levar até 23 toneladas de armamentos, o B-2 é, ao que se sabe, a única aeronave capaz de utilizar mísseis de longo alcance para ataque à superfície (AGM-154 ou AGM-158) sem perder a característica de baixa visibilidade aos radares.

Em caso de conflito nuclear, um avião deste modelo pode levar até 16 bombas nucleares B61 ou B83. Para missões convencionais, é possível levar nada menos que 80 bombas do tipo MK-82. Com seu formato de asa voadora, o B-2 tem alcance de 11.000 km, podendo ser reabastecido em voo para haver a multiplicação desse número.

Demonstração de força da OTAN. Foto: U.S. Air Force photo / Master Sgt. Matthew Plew

Hoje os Estados Unidos contam com 20 aeronaves do tipo, sendo 19 operacionais e uma para testes. Elas já foram utilizadas no Kosovo, Iraque, Afeganistão e Líbia, sempre com armamentos convencionais.

Você já assistiu à série #Sextou?! Confira as melhores dicas culturais da aviação!