AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

FAB realiza exercício em Roraima

Equipado com aeronaves A-29, o Esquadrão Escorpião faz a defesa do espaço aéreo da região Norte do País
image_pdfimage_print

Até o dia 7 de setembro, o Esquadrão Escorpião, unidade de caça da Força Aérea Brasileira sediada em Boa Vista (RR), realiza o exercício Full Throttle (motor a pleno, em inglês).
Com duração de 30 dias, o objetivo do treinamento é simular as etapas de desenvolvimento de um conflito. “Envolveremos diversos setores do Esquadrão e da Ala 7 para priorizar alvos, emitir ordens, analisar resultados, preparar as aeronaves com as configurações exigidas e inserir um contexto geopolítico de inteligência e de comunicação social”, afirma um dos oficiais do esquadrão.
O exercício permite ao esquadrão aéreo ampliar os conhecimentos dos seus militares em um contexto de conflito internacional, realizar avaliação de resultados e entender o processo de comando e controle.
Os pilotos treinam o planejamento e execução de diferentes tipos de missões, como ataque, varredura, escolta, reconhecimento aéreo e reconhecimento armado.
Iniciado em 8 de agosto, o exercício Full Throttle é a última etapa do Curso de Formação de Líderes de Esquadrilha da Aviação de Caça (CFLEC) no ano de 2018.

Esquadrão Escorpião também é responsável pela formação de líderes da Aviação de Caça

“Uma verdadeira prova de que estamos preparados para o combate. Lembro-me bem que, enquanto realizava meu primeiro voo de T-25, na Academia da Força Aérea, observava alguns instrutores que já haviam passado pela Aviação de Caça e imaginava o quanto essa realidade estava distante. Hoje, na reta final dessa jornada, a motivação só aumenta ao perceber o quanto todo o caminho percorrido valeu a pena”, conclui o integrante da unidade.

 

Fotos: Força Aérea Brasileira

Sobre o autor

Redação

Comentar

Clique aqui para comentar

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros