AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Latam e Azul lideram ranking de reclamações segundo ANAC

image_pdfimage_print

A Anac divulgou no último dia 16 os dados da avaliação dos passageiros em relação aos serviços prestados pelas companhias aéreas no Brasil.

Segundo os dados inéditos Latam e Azul são as empresas com mais reclamações de passageiros em 2017. A empresa Latam recebeu 5.479 reclamações e a Azul 3.478 e dividiram, assim, o primeiro lugar no ranking com 18 reclamações para cada 100 mil passageiros transportados. Em segundo lugar segue a Avianca que registrou 12 reclamações para cada 100 mil passageiros que transportou.

A companhia aérea com menos reclamações é a GOL com sete ocorrências para cada 100 mil passageiros transportados.

Em nota, a LATAM informou que tem um canal de atendimento no próprio site. “A companhia reforça, ainda, que mantém um canal aberto para diálogo com todos os seus clientes por meio do Fale com a Gente, serviço de atendimento disponível 24 horas por dia pelo telefone 0800 123200 e pelo site www.latam.com no caminho: Contato > Fale com a Gente > Envie sua mensagem”.

Já a “Azul Linhas Aéreas afirma que tem o compromisso de atender seus Clientes com excelência, por meio de um serviço de qualidade, eficiência, presteza e, principalmente, segurança. Prova disso é que a companhia vem sendo constantemente reconhecida por público e crítica pela excelência no trato com seus Clientes”.

A Gol informou que “A Companhia continuará com todos seus esforços para aprimorar ainda mais o atendimento em solo e nos seus voos e também junto às equipes que fazem o relacionamento com os passageiros que escolhem voar com a GOL”.

E por fim, a Avianca explicou que “trabalha constantemente para aprimorar cada vez mais seus serviços e atendimento aos clientes. Esse trabalho se refletiu no relatório da Anac com o destaque da companhia como a que obteve o maior índice de satisfação pelos consumidores”.

É a primeira vez que a ANAC divulga o levantamento das manifestações dos usuários do transporte aéreo. Os dados foram coletados a partir de janeiro de 2017 pela plataforma consumidor.gov.br, criada para atendimento às reclamações de consumidores e soluções de conflitos. O relatório sobre os dados compilados na plataforma deve ser divulgado trimestralmente.

Para o ranking, foram consideradas as quatro companhias aéreas que juntas corresponderam a 99% da participação no mercado doméstico.

 

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros