AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Rússia lança novo míssil antitanque

Foto: Vitáli Timkiv - Sputnik

Blindagens de até 150mm e sistemas de defesa como os disponíveis nos blindados norte-americanos Abrams não são mais um problema para o novo míssil antitanque da Rússia. Trata-se do Vihr-1, uma versão modernizada do Ataka, operado pela Força Aérea Brasileira em seus Mi-35 (AH-2 Sabre).

O novo míssil tem um alcance de 10 quilômetros, quase o dobro do Ataka, com a vantagem de ser guiado. Foi também criado um sistema de duas ogivas: a primeira ogiva destrói as camadas superiores ativas da blindagem, enquanto a outra explode um milissegundo após a primeira e queima o metal dentro do veículo.

O Vihr-1 foi desenvolvido para helicópteros de combate e veículos aéreos não tripulados. Os militares russos já testaram os novos mísseis em helicópteros de batalha Ka-52. Também são previstos testes com o Mi-28.

A empresa por trás da tecnologia é a Kalashnikov, mundialmente famosa pelo fuzil de assalto AK-47.