AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Rússia posiciona Su-35S e Su-25 na Bielorrússia

O Ministério da Defesa da Rússia confirmou o envio de 12 caças Sukhoi Su-35 para a Base Aérea de Baranovichi, na Bielorrúsia. Entre 10 e 20 de fevereiro, os jatos devem participar de treinamentos de defesa aérea em coordenação com as baterias do sistema antiaéreo S-400 em uso na Bielorrúsia.

Os 12 Su-35S saíram de sua base, Dzemgi, perto do Mar de Okhotsk, no Leste do país, onde operam com 23º Regimento de Aviação de Caça. Essas aeronaves já participaram de voos realizados próximos ao espaço aéreo do Japão.

Até que os caças stealth Su-57 estejam plenamente operacionais, os Su-35S são os jatos de combate mais avançados da Rússia. Para isso, contam com o que há de mais avançado no arsenal russo.

Jatos de ataque

Dez jatos de ataque Su-25 da Rússia foram enviados para a Base Aérea de Luninets, também na Bielorrúsia, a aproximadamente 50 km da fronteira com a Ucrânia. As aeronaves são do 18º Regimento de Guarda de Aviação de Assalto, com base em Chernigovka, também no leste da Rússia, próximo à China e ao Japão.

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

Carrinho