AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Sucessor do Concorde terá peças feitas em impressora 3D

image_pdfimage_print

Até o fim da próxima década o jato comercial Overture deve realizar voos a 2,2 vezes a velocidade do som com até 45 passageiros a bordo. Para realizar este feito, a empresa Boom Supersonic conta agora com o uso de uma impressora 3D F900 e o pacote Aircraft Interiors Solution, da Stratasys.

A impressora irá fabricar centenas de peças para o protótipo XB-1, e futuramente deve fazer parte da produção do jato comercial supersônico. “Em vez de comprá-las de um fornecedor, podemos criar peças personalizadas, aumentar nossa velocidade de engenharia de produção”, afirma Mike Jagemann, Head de Produção do XB-1 na Boom. “Nos três primeiros anos da parceria, imprimimos em 3D mais de 200 peças para ferramental, protótipos e componentes de teste, o que nos poupou centenas de horas de trabalho e permitiu uma iteração mais rápida entre os ciclos do projeto. O posicionamento como líder global em aplicações aeroespaciais impressas em 3D fez com que a Stratasys se tornasse a parceira ideal da Boom, e estamos muito animados com a extensão dessa parceria a longo prazo”, completa.

A impressora 3D F900 da Stratasys utiliza uma grande variedade de termoplásticos com propriedades mecânicas avançadas para peças que precisam suportar calor extremo, substâncias cáusticas e aplicações de alto impacto. O resultado são peças de manufatura aditiva prontas para os voos.

A expectativa é que o protótipo XB-1 seja lançado no fim deste ano e faça um voo supersônico em 2020.

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros