AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Tecnologia russa para os EUA e Chile

Avião faz lançamento de água com coloração durante desfile aéreo
image_pdfimage_print

A Rússia deve entregar já a partir do próximo ano dez jatos Beriev Be-200 para a companhia norte-americana Seaplane Global Air Services. As aeronaves deverão atuar no combate a incêndios florestais, um problema recorrente no Oeste dos Estados Unidos.

A empresa Russian United Aircraft Corporation (UAC) também deve entregar sete aeronaves para o Chile, outra nação onde há graves incêndios florestais. O anúncio foi feito no salão de Le Bourget, que acontece nesta semana em Paris.

O combate a incêndios com uso de aviões é mais rápido do que quando utilizados helicópteros

Desenvolvido na década de 90 e introduzido em serviço em 2003, o Beriev Be-200 tem chamado a atenção do mercado internacional pela eficiência que cumpre a missão de combate a incêndio. Quando configurado assim, pode levar 12.000 litros de água a cada sobrevoo. Também pode ser usado para transporte de carga ou passageiros.

Atualmente há uma unidade em operação no Azerbaijão e oito na Rússia, em ambos os casos como aeronaves ligadas aos serviços de emergência. Além de EUA e Chile, a China também deve adquirir o modelo, desenvolvido na década passada.

O avião deve voar sobre uma superfície de água para encher seus tanques e daí apagar incêndios

Sobre o autor

Redação

Comentar

Clique aqui para comentar

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros