AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Tragédia da creche Gente Inocente mostrou a importância da aviação aeromédica

Na manhã de 5 de outubro de 2017, um vigia municipal de 50 anos, Damião Soares dos Santos, invadiu o centro de ensino infantil Gente Inocente, mantido pela Prefeitura de Janaúba (MT). Damião ateou fogo ao local e provocou as mortes de 10 alunos e três adultos, deixando mais de 40 feridos. Uma tragédia que teve repercussão internacional.

Entre os feridos, 14 crianças em estado grave. Para salvar aquelas vidas, a velocidade da aviação era fundamental. Foi o momento em que a a Unimed Aeromédica entrou em ação.

Confira essa história no segundo episódio da websérie de 25 anos de Histórias no Aeromédico.

Natal ASAS! Grandes ofertas!

Nova edição da ASAS

Carrinho