AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

ANAC alivia regra para empresas cancelarem voos

image_pdfimage_print

A crise do corona vírus deve reduzir os voos da aviação brasileira e a a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) já adotou uma medida para auxiliar as empresas. Até 24 de outubro de 2020, voos cancelados não vão ser computados no cálculo do índice de regularidade das companhias aéreas para a obtenção dos slots, que são as autorizações para pousos e decolagens em determinados aeroportos.

A medida permite que a companhia cancele voos sem se preocupar em futuramente perder a autorização para cumprir aquela rota. Isso significa maior flexibilidade para cancelar voos com baixa ocupação, e assim reduzir os prejuízos.

Chamada de waiver, a medida está alinhada com decisão semelhante adotada por outras organizações e autoridades de aviação civil, como a Comissão Europeia, a European Airport Coordinators Association (EUACA), da Europa, e a Federal Aviation Administration (FAA), dos Estados Unidos.

Você já assistiu à série #Sextou?! Confira as melhores dicas culturais da aviação!

Garanta já a sua Edição 114 de ASAS!

Promoção Fim de Ano!

Novidade! Assine ASAS também na Versão Digital!

Parceiros