AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Boeing entrega Super Hornets do Kuwait… …para a US Navy

Super Hornet da US Navy Foto: Ronnie Macdonald
image_pdfimage_print

A Boeing anunciou no dia 2 de setembro que completou a produção dos 28 caças F-18E/F Super Hornet adquiridos pela Força Aérea do Kuwait. Porém, as aeronaves foram entregues para a US Navy. A entrega definitiva depende da autorização da Casa Branca.

Isso porque o negócio avaliado em 1,5 bilhão de dólares foi negociado com o governo dos Estados Unidos, e não diretamente com a empresa. O contrato foi assinado em junho de 2018 e as aeronaves seriam entregues no começo desse ano, mas houve atraso por conta da pandemia. Trata-se de 22 F-18E, monoplace, e seis F-18F, para dois ocupantes.

Com mais 28 caças Eurofighter Typhoon encomendados, o Kuwait se prepara, também, para vender os seus 31 caças F-18C e sete F-18D. Essas 38 aeronaves são remanescentes de um lote de 40 unidades adquiridas no início dos anos 90, logo após a Guerra do Golfo. Os F-18 substituíram, à época, os A-4 Skyhawk posteriormente vendidos à Marinha do Brasil.

Agora, os F-18 também devem ser vendidos ainda com vida útil adiante. Assim como os A-4, os F-18 kuwaitianos têm a vantagem de nunca terem operado a bordo de porta-aviões, o que resulta em células mais preservadas que as utilizadas pela US Navy, por exemplo.

Equipados com radares APG-79, os 31 F-18C e sete F-18D despertaram interesse da Força Aérea do Canadá, que ainda opera os CF-18, baseados nos F-18A/B, mais antigos. Porém, o mais provável é que o Kuwait feche negócio com a Tunísia, que busca um substituto para os seus F-5E/F. A Malásia também estaria interessada.

Lançamento! ASAS 119! Garanta já a sua na pré-venda!

O Voo do Impossível

Parceiros