AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Caças F-22 fazem treinamento de dogfight na Coreia do Sul

Foto: Ryan Gomez

Mais avançados caças da US Air Force (USAF), os F-22 Raptor foram criados para conquistar a superioridade aérea sem nem precisar se aproximar dos inimigos, graças à precisão do seu armamento, capacidade de voo cruzeiro e, principalmente, as características stealth. Porém, nesta semana, a USAF mostrou que quer seus pilotos prontos para um eventual combate aéreo a curta distância.

Um par de F-22 praticou combates aéreos a curta distância contra caças F-35A sul-coreanos. A força aérea daquele país informou que foram criados diversos tipos de cenários para haver os embates entre os jatos, todos de quinta geração e todos criados para originalmente destruir seus inimigos sem sequer revelar a própria posição.

Quatro F-22 da USAF baseados no Hawaii estão desde abril no Japão e agora esticaram o deslocamento até a Coreia do Sul. Esse desdobramento de forças também serve de teste para o conceito de Agile Combat Employment (ACE), que vem sendo desenvolvido pela USAF como forma de proporcionar uma rápida reorganização de vetores estratégicos em um território.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho