AVIAÇÃO COMERCIAL & PRIVADA

Embraer amplia negócios e registra crescimento no número de aeronaves entregues

O E195-E2 tem se destacado entre os aviões comerciais da Embraer. Foto: Matti Blume

O ano de 2022 foi positivo para a Embraer. A empresa entregou um total de 159 jatos, um número 12,7% maior quando comparado a 2021. Destaque para o Phenom 300, com 59 entregas, e o E175, com 35. Os últimos quatro meses foram de aceleração. Pouco mais da metade (80) do total de entregas ocorreu no período. A Embraer também confirmou um novo pedido firme de US$ 1,17 bilhão, para fornecer 15 novos jatos E195-E2 a um cliente não revelado.

Em 31 de dezembro, a carteira de pedidos firmes totalizava US$ 17,5 bilhões. Na aviação comercial, os modelos E170, E175, E190, E195, E190-E2 e E195-E2 somam 2.018 pedidos firmes, sendo que 1.729 aeronaves já foram entregues e 291 estavam por entregar, até o fim do ano passado. Enquanto o E195 deve permanecer nas suas 172 aeronaves produzidas, o E195-E2, de nova geração, já tem 51 entregas e 194 na lista de espera.

Desde que foi fundada, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros. A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS! PRÉ-VENDA!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho