AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

FAB deve contar com A330 para além de 2050

A330 MRTT da Royal Air Force. Foto: Perry Aston - USAF

A aquisição de dois jatos civis Airbus A330 pela Força Aérea Brasileira, com o objetivo de convertê-los para o padrão militar Multirole Tanker Transport (MRTT) deve trazer ganhos operacionais para além do ano de 2050. Os dois aviões, com números de série MSN 1492 e MSN 1508, têm vida útil para operarem até o ano de 2054. Com a FAB, serão designados KC-30 e terão as matrículas FAB 2901 e FAB 2902. Quando chegarem, possibilitarão o reinício das atividades do Esquadrão Corsário, sediado na Base Aérea do Galeão e sem vetores desde 2019. A previsão do início da vida operacional é 2024.

As duas aeronaves são relativamente novas. O MSN 1492 saiu da fábrica da Airbus em Toulouse em 2014. Com matrícula N941AV, voou com a Avianca da Colômbia. Em novembro de 2017, veio para a Avianca do Brasil, com matrícula brasileira PR-OCJ. Em 2019, foi rematriculado PR-AIS para voar com a Azul, porém a carreira foi encerrada em março de 2020, por conta da pandemia.

Foto: Leonardo Mello, via Força Aérea Brasileira

Já o MSN 1508 também ficou pronto em 2014 e estreou a vida ativa com a Avianca da Colômbia, com matrícula N508AV, de junho daquele ano a novembro de 2015. Estocado, voltou a voar só em julho de 2017, com a Avianca Brasil, onde teve a matrícula PR-OCK. As operações foram encerradas em março de 2019. Negociado pela Azul, não chegou a voar com as cores da companhia.

O par de A330, mais precisamente do modelo A330-200, será enviado para a fábrica da Airbus em Getafe, na Espanha. Lá será feita a conversão para o padrão militar, o que inclui a instalação dos sistemas de reabastecimento em voo. São adicionados compartimentos extras de combustível e todo o interior é modificado para permitir o transporte de carga, passageiros, tropas ou unidades médicas.

A330 da Austrália reabastece dois caças F-18. Foto: Chris Phutully

Apesar de ter sido anunciada pelo próprio presidente Jair Bolsonaro como uma resposta às necessidades operacionais decorrentes da pandemia de covid-19, as aeronaves só estarão disponíveis para a FAB em 2024. Além da espera para o recebimento, o processo de conversão leva 18 meses, pelo menos. Também não se confirmaram as informações apressadamente divulgadas à época do anúncio de que seriam adquiridas aeronaves MRTT usadas da Royal Air Force – uma desinformação baseada em uma visita realizada na Base Aérea de Brasília.

A nova compra também é um revés para o grupo israelense IAI. Em 2013, a FAB chegou a anunciar a decisão de adquirir um par de 767 que seriam adaptados para a missão de reabastecimento em voo em Israel. Naquele ano, o KC-767 “Júpiter” da Força Aérea da Colômbia foi uma das estrelas do exercício Cruzex.

Agora, os recursos liberados irão para outras empresas. A Azul deve receber cerca de 80,6 milhões de dólares (cerca de 375 milhões de Reais) pelos dois jatos. O preço pode ser considerado bom: uma aeronave nova tem saído por aproximadamente 70 milhões de dólares. Um segundo contrato deve ser assinado com a Airbus, para a conversão.

A330MRTT da França reabastece Flanker e Mirage da Índia Foto: Armée de l’air e de l’espace

A chegada dos A330 MRTT deve ampliar decisivamente as capacidades operacionais da FAB. Desde a aposentadoria dos 707, em 2013, o País ficou sem reabastecedores de longo alcance – os KC-390 são aeronaves criadas para atuarem no nicho dos KC-130 Hércules. A operação de um único 767 alugado, entre 2016 e 2019, deu a capacidade de transporte de longo alcance, mas já em 2020 a missão de buscar brasileiros na China no início da pandemia de covid-19 mostrou as dificuldades enfrentadas com a falta de aeronaves de longo alcance.

Agora, os A330 MRTT poderão oferecer até 14.800 km de alcance total, ou 8.300 km quando com 45 toneladas de carga a bordo (o KC-390 leva, no máximo, 23 toneladas). As até 110 toneladas de combustível disponíveis a bordo poderão ser repassadas para caças, helicópteros, aviões SC-105 Amazonas e mesmo para os KC-390.

NOVA EDIÇÃO DA ASAS! PRÉ-VENDA!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho