AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Mais AH-64 Apache para o Oriente Médio

AH-64 Apache Foto: Boeing
image_pdfimage_print

Com 16 helicópteros de ataque AH-64 Apache recebidos a partir de 2015, o Kuwait decidiu renovar e ampliar a frota. O Departamento de Estado dos EUA aprovou a venda de oito unidades adicionais, além de um projeto de modernização. O custo total deve chegar a 4 bilhões de dólares.

O novo acordo inclui motores, novos sistemas de alerta de mísseis baseados em GPS (CMWS) e navegação inercial. Os novos helicópteros também serão equipados com sistema de aquisição de alvos, sensores de visão noturna e radar de controle de fogo mais modernos que os recebidos a partir de 2015.

Conhecidos por terem destruído 278 blindados iraquianos durante a Guerra do Golfo, em 1991, os helicópteros de ataque Apache se tornaram sucesso de vendas nas décadas seguintes. Somente no Oriente Médio, Egito, Israel, Arábia Saudita, Catar e Emirados Árabes Unidos, além do próprio Kuwait, já encomendaram o helicóptero comercializado pela Boeing.

Reino Unido, Taiwan, Coreia do Sul, Marrocos, Cingapura, Holanda, Japão, Índia e Grécia completam a lista de operadores estrangeiros da aeronave norte-americana. Desde a entrada em serviço, em abril de 1986, mais de 2.400 aeronaves foram produzidas.

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

Lançamento! ASAS 118! Garanta já a sua na pré-venda!

O Voo do Impossível

Parceiros