AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Venezuela recebe apoio para manutenção dos caças Flanker

Sukhoi Su-30Mk2 da Aviación Militar Bolivariana Foto: André Austin Du-Pont Rocha

Os caças Flanker da Venezuela tem recebido apoio de manutenção da empresa russa Rosoboronexport. A informação foi confirmada pelo diretor geral da companhia, Alexander Mikheev, à agência de notícias russa Sputnik.

“A Rosoboronexport cumpre contratos de manutenção pós venda para manter material de guerra disponível, como sistemas de defesa antiaérea, aviões, helicópteros, etc”. A informação foi dada no dia 15 de outubro, quando Jorge Arreaza, ministro da indústria e produção nacional da Venezuela esteve em Moscou para um encontro diplomático entre os países.

Sukhoi Su-30MK2
Foto: Carlos E Perez


Em 2021, a Venezuela celebrou os 20 anos do primeiro acordo de cooperação técnico-militar entre os dois países. No período, foram adquiridos os helicópteros Mi-17, caças Sukhoi Su-30MK2, blindados e sistemas de defesa antiaérea S-300VM Antey-2500, BUK M2E e Pechora 2M.

LEIA TAMBÉM: Flanker da Venezuela teria afundado navio de grande porte em treinamento

Atualmente, a Aviación Militar Bolivariana, nome oficial da força aérea do país, conta com cerca de 20 caças Sukhoi Su-30 e oito helicópteros Mi-17.

LEIA TAMBÉM: França, Venezuela e Bolívia: as possíveis guerras do Brasil até 2040