AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Contra concorrência, Suécia oferece Gripen de graça para República Tcheca

Em 2029 o contrato de leasing de 12 caças F-39C e dois F-39D Gripen para a força aérea da República Tcheca chegará ao fim. Até 2025 o país decidirá se continuará a operar os caças de origem sueca ou se pode adquirir um outro modelo, sendo o F-35 Lightning II um dos concorrentes.

Para não perder o cliente, a Suécia está decidida a oferecer o leasing sem custos adicionais. A proposta foi anunciada pelo embaixador sueco, Frederik Jörgensen. A parceria com a Saab foi iniciada em 2004 e prorrogada em 2013.

Hoje, as versões C/D do Gripen estão em serviço operacional na República Tcheca, África do Sul, Hungria, Tailândia e Suécia. O Brasil é, até o momento, o único cliente de exportação das versões E/F. O caça da Saab tem sido derrotado em seleções como da Bulgária, Croácia, Dinamarca, Eslováquia, Finlândia, Holanda, Noruega, Polônia e Suíça, onde chegou a ser anunciado, mas teve seu financiamento barrado em um referendo.

LEIA MAIS:

Suécia iniciará estudos para substituto do Gripen

Gripen recebe modernização na República Tcheca

Saab quer Gripen certificado para mais reabastecedores

F-16 e Gripen batalham para conquistar as Filipinas

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho