AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

F-5 completa 45 anos de serviço no Chile

F-5E Tiger III do Chile Foto: Chris Lofting
image_pdfimage_print

Ter dez caças F-16C/D Block 50 e 36 F-16AM MLU na sua frota não impede a Fuerza Aérea de Chile de comemorar os 45 anos de operação dos seus caças F-5. Os jatos fabricados pela Northrop ainda fazem parte da linha de frente da defesa aeroespacial chilena.

Em 26 de julho de 1976, pouco mais de um ano após a chegada dos primeiros F-5E/F Tiger II da Força Aérea Brasileira, que à época também já contava com os Mirage III, a Fuerza Aérea de Chile recebeu seus primeiros F-5/F e entrou para a era supersônica. Foram 18 aeronaves, a metade do lote brasileiro, enviadas para Antofagasta, na região norte do país, onde tiveram papel estratégico para contrabalancear as forças na tensa fronteira com o Peru.

Só em 2010 os F-5E/F foram deslocados para o extremo sul, em Punta Arenas, onde representam a primeira linha de defesa contra a Argentina. Os dois países estiveram prestes a travar um conflito armado naquela região no fim dos anos 70 e até hoje os chilenos mantêm atenção na área, diferentemente dos argentinos.


A partir de meados dos anos 90, os F-5 chilenos passaram a ser denominados Tiger III. Isso porque um processo de modernização atualizou as aeronaves para o cenário de guerra avançado, incluindo o radar Elta EL/M 2032, capacetes com mira e mísseis israelenses Python. Os F-5EM/FM da Força Aérea Brasileira são mais avançados, incluindo a possibilidade de atuarem no combate além do alcance visual (BVR), porém se tornaram operacionais apenas cerca de dez anos depois.

Os F-5 do Chile devem se manter em serviço, pelo menos, até o ano de 2030. Em 2015, as empresas Enaer e Kellstrom fizeram a recuperação das asas. A IAI também atua na manutenção dos sistemas eletrônicos.

LEIA TAMBÉM: Do Super Tucano direto para o F-16

Os F-16C/D chilenos foram recebidos a partir de 2006, fazendo o país entrar na era do combate BVR com os mísseis AIM-120 AMRAAM e das bombas inteligentes com as JDAM. No mesmo ano também começaram a chegar os F-16A/B MLU, unidades usadas pela Holanda e atualizadas.

Lançamento! ASAS 119! Garanta já a sua na pré-venda!

O Voo do Impossível

Parceiros