AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Rafale prestes voar com mais três forças aéreas

Foto: Clemens Vasters
image_pdfimage_print

Com alta velocidade de entrega das aeronaves para a Índia (36 aeronaves), entregas em andamento para o Catar (36) e um novo contrato com o Egito (54), o Rafale está perto de entrar em serviço com mais três clientes de exportação.

O primeiro é a Grécia. Um Rafale B que estava em serviço com a Força Aérea da França foi fotografado no dia 18 de maio já com as cores da Elliniki Polemiki Aeroporia, a força aérea grega. O contrato assinado em janeiro deste ano já prevê a entrega da primeira unidade em julho, mas ainda para treinamentos na própria França.

A expectativa é que os primeiros seis caças Rafale pousarão em solo grego já no início de 2022, um ano após a assinatura do contrato. Em tensão crescente com a Turquia, a Grécia pediu celeridade e os 12 primeiros caças serão retirados diretamente da Armée de l’air e de l’espace – todos são da versão F3, a mais recente.

Croácia

O caça francês venceu o Gripen, o Eurofighter, o F-16 e o Mirage 2000, tanto em opções direto da fábrica quanto de segunda mão. Doze unidades usadas pela França devem ser adquiridos para substituir os MiG-21 ainda em uso. O primeiro ministro do país, Andrej Plenkovic, confirmou o anúncio nesta sexta-feira.

O negócio ocorre após ter sido anunciada, e cancelada, a compra de jatos F-16 de Israel. O problema foi o embargo dos EUA, que queriam vender seus próprios F-16.

Os seis primeiros Rafale para a Croácia chegariam em 2024, e mais seis em 2025. Isso dará tempo para Dassault fornecer 24 caças novos para a Armée de l’air, para compensar a retirada de 12 para os croatas e 12 para os gregos.

O pacote custará 999 milhões de Euros (cerca de 1,2 bilhões de dólares). O valor inclui suporte logístico, treinamento de pilotos e capacitação de mecânicos.

Indonésia

Já com caças F-16A/B, F-16C/D, Su-27 e Su-30 na frota, a Força Aérea da Indonésia deve optar por 36 caças Rafale novos, que assim devem se tornar o modelo mais numeroso do país. O Ministro da Defesa da Indonésia, Prabowo Subianto, também revelou a intenção de adquirir aeronaves A330MRTT.

Em 2021 o Rafale poderá ainda ganhar a concorrência para a venda de 36 aeronaves para a Finlândia.

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

Lançamento! ASAS 117

O Voo do Impossível

Parceiros