AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Turquia tem novo feito de sua indústria de defesa: a modernização de caças F-16

F-16D da Turquia em treinamento da OTAN. Foto: Jonathan Snyder

Após se destacar em diversos desenvolvimentos de projetos militares, como o helicóptero T929 Atak 2, o drone Kızılelma e o jato de treinamento avançado Hürjet (ver vídeo abaixo), a Turquia anunciou mais um feito da sua indústria de defesa. Voou pela primeira vez um caça F-16 modernizado localmente pela Turkish Aerospace Industries.

Chamado de programa Ozgur, a modernização dos F-16 da Turquia inclui novos aviônicos, um novo computador de missão, mira no capacete, sensor eletro-ótico e um software novo para controle de voo. O destaque, porém, é a adoção do novo radar Murad, do tipo AESA, e mísseis produzidos na Turquia, como os Gokdogan e Bozdogan (ar-ar), Gezin e Cakir (ar-superfície) e Atmaca (anti-navio). As células também são renovadas, ganhando mais quatro mil horas de vida útil, chegando a 12.000.

A Turquia é, atualmente, o terceiro maior operador de caças F-16 no mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e de Israel. Ao todo, foram 270 unidades adquiridas, todas produzidas localmente, sob licença, pela Turkish Aerospace Industries. A prioridade no momento é modernizar as 43 unidades do Block 30. Depois os trabalhos vão seguir para os 117 do Block 40 e 110 do Block 50. 

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

Carrinho