AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

5 desafios para o Ministro da Defesa: 4) o TH-X

H-50 Esquilo Foto: André Feitosa / Força Aérea Brasileira
image_pdfimage_print

À frente do Ministério da Defesa, o General Walter Souza Braga Netto tem diante de si projetos para as três Forças Armadas. Na parte da aviação, cinco iniciativas podem se destacar ao longo do período em que estiver na chefia do Ministério. Há projetos com recursos previstos mas, também, decisões que podem ser tomadas ao longo da gestão de Braga Netto.

Já foram publicados aqui análises sobre a aquisição de novos caças Gripen (clique aqui para ler), sobre a compra de novos cargueiros de grande porte (clique aqui para ler) e a respeito de aviões para a Aviação do Exército (clique aqui para ler). O tema de hoje é o projeto TH-X.

Já está na Lei Orçamentária. Iniciado em 2020, o projeto TH-X deve ir até 2025, e já contará com 102 milhões de Reais em 2021. Descrito como uma iniciativa para a “aquisição de helicópteros leves”, o TH-X não está vinculado à Força Aérea, à Marinha ou ao Exército, sendo voltado para equipar as três forças.

Atualmente, as Forças Armadas do Brasil contam com helicópteros modelo Esquilo adquiridos na década de 80. A Marinha conta ainda com seus últimos Bell Jet Ranger, utilizados sobretudo na formação de novos pilotos.

Em setembro do ano passado, o site O Antagonista publicou que avançavam as negociações para a compra de helicópteros H135, fabricados pela brasileira Helibras. Porém, há modelos concorrentes, como o AW119 e o Bell 407.

Amanhã será publicado o quinto e último assunto de interesse da nova gestão do Ministério da Defesa.

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

Sobre o autor

Redação

Comentários

    • O Presidente da República Excelentíssimo Senhor Jair Messias Bolsonaro fez um acordo com o Presidente da Rússia Vladimir Putin para que os helicópteros russos de ataque do Esquadrão POTI em Porto Velho recebam manutenção completa num Centro de Manutenção de Helicópteros fabricados na Rússia que está localizado na Região Sudeste do País (não recordo a cidade). Por enquanto, esta decisão esgota a necessidade de compra de novos helicópteros de ataque pela FAB e o Exército Brasileiro se concentra no momento no upgrade dos Esquilos FENNEC para que estes possam ter melhor desempenho e carregar Pods da armamentos mais poderosos nos seus braços laterais de armas!!!

Clique aqui para comentar

Lançamento! ASAS 116

O Voo do Impossível

Parceiros