AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Força Aérea do Uruguai conquista capacidade de reabastecer em voo

A-37B do Uruguai durante reabastecimento em voo

Acostumada a participar de exercícios internacionais como a Cruzex, no Brasil, e a Salitre, no Chile, a Força Aérea do Uruguai já conhecia a doutrina de reabastecimento em voo graças ao apoio de países amigos. A partir de agora, porém, essa capacidade finalmente pode ocorrer de maneira independente.

Entre 27 e 30 de junho, foi realizado o exercício Tanque 2022, a partir da Base Aérea de Durazno. Um dos aviões KC-130H Hércules adquiridos usados da Espanha foi usado para reabastecer jatos A-37B Dragonfly.

O exercício permitiu certificar a operação de reabastecimento em voo dentro dos padrões da OTAN. Os uruguaios contaram com a assessoria direta da Fuerza Aérea Argentina, tanto com militares da unidade de KC-130 quanto dos jatos A-4AR.

LEIA TAMBÉM:

Uruguai e Honduras querem comprar Super Tucano

Uruguai ganha capacidade de reabastecer caças em voo

Uruguai agora tem Lei do Abate, mas faltam caças

Força Aérea Uruguaia: pequena, mas bem treinada

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho