AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Novo MiG stealth deve agitar mercado mundial de caças

Já circulam na internet fotos do novo caça MiG a ser apresentado nesta semana na feira aeroespacial MAKS 2021, em Zhukovsky, na Rússia. Ao contrário do Sukhoi Su-57 Fellon, da mesma categoria de peso e tamanho de aeronaves maiores, como o Su-27 Flanker e o F-15 Eagle, este novo MiG é menor, mais leve e voltado para a substituição de caças da categoria do MiG-29 e do F-16. Pelas imagens, é possível identificá-lo como um monomotor.

Atualmente estão em serviços os caças stealth norte-americanos F-22 Raptor e F-35 Lightning II, o russo Su-57 Fellon e o chinês J-20 Mighty Dragon. O F-22 é de uso exclusivo da United States Air Force, tendo sido vetado para aliados históricos dos Estados Unidos, como o Japão. A exclusividade também existe para o bombardeiro B-2 Spirit. O J-20 também segue restrito à China.

LEIA TAMBÉM: Rússia quer comercializar Su-57 e radar capaz de dectectar caças stealth

Já o F-35 até o momento foi exportado para países-membros da OTAN, como Noruega, Polônia, Reino Unido e Bélgica, além de parceiros como Japão, Coreia do Sul e Austrália, e mesmo países com menor alinhamento político, como foi o caso dos Emirados Árabes Unidos. A venda para a Turquia, porém, foi barrada após desentendimentos dos turcos com Washington. O problema é o alto custo de operação, criticado publicamente pelo governo dos EUA.

LEIA TAMBÉM: 1 hora de voo do F-35 custa quase 200 mil Reais

A Rússia já havia exportado o Su-57 para a Argélia e anunciava o caça stealth da Sukhoi para venda. Agora, com o novo MiG, a expectativa é ampliar a presença dessa categoria de aeronaves de combate no mundo, sobretudo em países não alinhados politicamente com os Estados Unidos.

A dica agora é conferir todos os detalhes do Su-57 neste vídeo com Claudio Lucchesi:

Visite a loja da Editora Rota Cultural e veja nosso acervo de
livros, edições da revista ASAS e produtos ligados à aviação!

  • Revista ASAS – Edição 111
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$6.90
  • Revista ASAS – Edição 112
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$6.90
  • O VOO DO IMPOSSÍVEL
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$47.70
  • Revista ASAS – Edição 113
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$6.90
  • Revista ASAS – Edição 114
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$6.90
  • O Primeiro e o Último
    PRODUTO EM PROMOÇÃO
     R$49.90
  • Revista ASAS – Edição 115 – Aplique o cupom “115” e ganhe o frete grátis!
    R$26.70
  • O Grande Circo
    R$78.00
  • Revista ASAS – Edição 116 – Aplique o cupom “116” e ganhe o frete grátis!
    R$26.70

 

Sobre o autor

Redação

Comentários

  • Aposto que não se trata da aeronave da MIG, mas sim do caça leve que a Sukhoi está desenvolvendo já há um certo tempo. E, se há mensagens subliminares no vídeo divulgado, é uma aeronave para países com orçamentos militares limitados, ou que sofrem com embargos a produtos ocidentais avançados. Como é o caso da Argentina, devido ao embargo britânico. Notem que não há nenhum piloto russo no vídeo. São pilotos dos Emirados Árabes, Índia, Vietnã e Argentina. Se fosse um avião desenvolvido para a Força Aérea Russa, o primeiro piloto a aparecer, deveria ser russo.
    Por isso, aposto que ainda não é o sucessor da família MIG-29/33/35, mas um novo avião, para tirar mercado JF-17 Thunder, Tejas, F/A-50, F-16 (nas versões de bloco mais antigas), J-10 e Gripen C/D. Que são aeronaves de boa performance e de preço mais acessível no mercado internacional.
    Segue o link de um vídeo, em inglês, que mostra o que se fala que seria o MIG-41. Mas que se olharmos com cuidado, não seria o sucessor do MIG-31, mas sim da família MIG-29/33/35. Um caça monomotor, furtivo, com dimensões similares as dos MIG-35 e tomada de ar única no nariz da aeronave, clara inspiração no lendário MIG-21. Segue o link do vídeo no Youtube: https://youtu.be/EUnE1Takcbc
    Atenção a partir de 6m e 47s.

    Abraços pessoal!!

Clique aqui para comentar