AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Venezuela reforça defesa antiaérea no litoral

O Comando Estratégico Operacional de la Fuerza Armada Nacional (Ceofanb) da Venezuela publicou na internet fotos de um sistema antiaéreo Buk M2E no porto de Guiria, no norte do país, próximo a Trinidade e Tobago. O equipamento desembarcou do navio T-95 Los Hermanos, da marinha da Venezuela.

A transferência do sistema antiaéreo, e sua proposital divulgação, faz parte de um conjunto de ações militares desenvolvidas pela Venezuela desde que iniciou as tratativas para anexação de parte do território da Guiana, e reforçadas após o envio do patrulheiro britânico HMS Trent ao litoral da ex-colônia inglesa.

A Venezuela conta dois grupos de defesa antiaérea equipados com sistemas Almaz-Antey Buk M2E. Cada lançador pode atacar até 24 alvos simultaneamente com mísseis 9M317E, com alcance de até 20 km.

No início do ano, caças F-16 e Su-30 Flanker da Venezuela realizaram exercícios militares na região, deixando claro, também, a efetiva operacionalidade destas aeronaves.

Sukhoi Su-30Mk2 da Aviación Militar Bolivariana Foto: André Austin Du-Pont Rocha

LEIA TAMBÉM:

Caças F-16 e Flanker da Venezuela participam de exercício na fronteira com a Guiana

Venezuela pinta caça Su-30 com mapa ressaltando pretensão expansionista

Brasil reforça presença militar na fronteira com Venezuela e Guiana

Venezuela recebe apoio para manutenção dos caças Flanker

FAB treina em pistas críticas na fronteira com Venezuela e Guiana

VÍDEO: Flanker da Venezuela teria afundado navio de grande porte em treinamento

França, Venezuela e Bolívia: as possíveis guerras do Brasil até 2040

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

Carrinho