AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Índia ativa novos helicópteros de combate 

Os dois primeiros HAL Prachand, novos helicópteros de combate da Índia. Foto: Ministério da Defesa da Índia

Após quase 20 anos desde o início dos trabalhos, a Índia ativou ontem seu primeiro esquadrão equipado com helicópteros de ataque desenvolvidos e produzidos nacionalmente. Duas aeronaves entraram em serviço nesta semana com a força aérea da Índia, que tem o planejemento para uma frota de 65 helicópteros. Outros 95 devem ser entregues ao Exército do país.

Produzido pela Hindustan Aeronautics Limited (HAL), o modelo foi chamado inicialmente de Light Attack Helicopter (LAH), mas acabou batizado formalmente de Prachand. Sua origem remonta à Guerra de Cargil, em 1999, quando as forças indianas sofereram limitações técnicas no embate contra o Paquistão.

A experiência fez a HAL criar uma aeronave ideal para as forças armadas do seu país. Com dois tripulantes, pode levar míssieis ar-ar e antitanque, além de bombas guiadas, lançadores de granadas e lançadores de foguetes. Há, ainda, um canhão de 20mm.

Os dois motores Shakti-1H1, produzidos em parceria entre a HAL e Turbomeca, têm 1.384 shp de potência. É o bastnte para uma velocidade máxima de 268 km/h e teto de serviço de 6.500 metros – uma demanda solicitada para os combates em regiões montanhosas. A autonomia é de até 3 horas.

Entre os aviônicos estão um sensor eletro-ótico, radar, sistema de aproximação de mísseis e uma suíte de autodefesa.

LEIA TAMBÉM:

Índia ativa seu primeiro porta-aviões nacional

Índia desponta como alternativa para manutenção de caças russos

Índia vai cancelar importações e focar na própria indústria de defesa

Índia recorre a motor norte-americano para seus caças Tejas

Índia planeja “Super” Su-30 MKI

Índia avança no antigo mercado do Tucano

ASSINE A ASAS E GANHE UM ALBUM DE FIGURINHAS: AVIÕES DE GUERRA

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

Carrinho