AVIAÇÃO MILITAR & DEFESA

Crise yanomami destaca importância do C-98 Caravan

C-98 Caravan da FAB

Monomotor, muitas vezes utilizados para missões simples, como deslocamento de militares entre bases aéreas, o C-98 Caravan está longe de ser a principal aeronave de transporte da Força Aérea Brasileira. Porém, a crise humanitária vivida por comunidades yanomamis no extremo norte do Brasil tem revelado a importância do avião produzido pela Cessna.

Enquanto os jatos KC-390 Millenium fazem lançamento de carga na área do 4º Pelotão Especial de Fronteira (4º PEF) do Exército Brasileiro, o Caravan é o único modelo de avião da FAB que tem a capacidade de operar com segurança na pista conhecida cmo Aeródromo de Surucucu, a 270 km de Boa Vista (RR).

A pista de Surucucu não é fácil. Construída nos anos 80, a cerca de 1.000 metros, ela sequer é plana: existe uma diferença de altura de 43 metros entre as cabeceiras. Para completar o cenário, a aeronave precisa desviar de várias montanhas próximas à pista e tanto pousos quanto decolagens costumam acontecer com vento de cauda, o oposto do ideal. Para completas, além das pequenas dimensões (1.067 metros de comprimento e 25 de largura), a pista é costumeiramente degradada por conta das fortes chuvas.

Uma das maiores mostras das dificuldades de operar a partir de Surucucu foi o acidente com um C-105 Amazonas, em fevereiro de 2016. A aeronave, criada para pousos em pistas difíceis, sofreu um colapso do trem de pouso e se arrastrou pela pista. Com apenas dez anos de uso, o C-105 ficou impossibilitado de ser retirado do local e teve os seus principais componentes recolhidos para uso no restante da frota.

Agora, com a emergência humanitária dos yanomamis em um momento em que a pista está em situação precária, cabe ao C-98 Caravan assumir o papel de principal avião para a tarefa. Até o momento, já foram 220 horas de voo, levando cerca de 40 toneladas de medicamentos, alimentos e combustível. O monomotor é ainda o responsável por levar para a Base Aérea de Boa Vista (BABV) todos os materiais e equipamentos utilizados no lançamento de carga feitos pelas aeronaves C-105 Amazonas e KC-390 Millennium.

LEIA TAMBÉM:

Crise humanitária no Norte do Brasil destaca capacidade operacional da FAB

FAB leva alimentos e vai montar hospital de campanha em terra indígena

3000º Cessna Caravan será usado pela Azul

FAB e Exército reformam pista remota na fronteira com a Colômbia

PF, Exército e FAB concluem operação na fronteira com Venezuela

Exército faz esforço logístico para reforma de pista na fronteira

FAB treina em pistas críticas na fronteira com Venezuela e Guiana

FAB investe em pista estratégica na fronteira com a Venezuela

USE O CUPOM: FRETE GRÁTIS

NOVA EDIÇÃO DA ASAS!

Carrinho